GuiaDigital.info
Produtos & Serviços Ver Categorias Notícias Agenda
   
   Ajuda

 

 

 


Politica

Executivo investiu mais de R$ 6 milhões em 2006

Data:02/03/2007 - 13:47

Cidade:Ijuí - RS

Fonte: Prefeitura Municipal de Ijuí

No ano de 2006 os investimentos feitos pela Administração Municipal foram superiores a R$ 6 milhões. O dado consta do Relatório da Secretaria Municipal da Fazenda, apresentado ontem, em audiência pública na Câmara de Vereadores. Das despesas de capital totalizadas em R$ 7.318.000,00, os investimentos corresponderam a R$ 6.622.000,00.
De acordo com o secretário Irani Basso, juntas, todas as despesas realizadas pelo município somaram R$ 84.784.000,00, o que corresponde a 85,17% do valor previsto em orçamento. “Trabalhamos durante todo o ano passado com a situação financeira ajustada. Tínhamos uma previsão de gastos de R$ 99,5 milhões e ficamos bem aquém desse montante”, disse. As despesas se dividem em: despesas correntes, que compreendem a gastos com pessoal e encargos; juros e encargos da dívida, e outras despesas correntes. Os gastos com pessoal e encargos, conforme o relatório, somaram R$ 30.087.000,00, enquanto que as despesas com material de consumo e serviços de terceiros, atingiram o valor de R$ 47.379.000,00.
A arrecadação também teve um comportamento previsível segundo Irani Basso. Dos R$ 94.097.000,00 previstos, foram realizadas R$ 89.502.000,00, o que corresponde a 95,11% do orçamento, índice de variação perfeitamente aceitável, diante das frustrações de safra dos anos 2005 e 2006, conforme o secretário. As Receitas Correntes, que atingiram a soma de R$ 89.194.390,00, compõem-se: Receitas Tributárias - IPTU, ISS, ITBI, IRRF, Taxas e Contribuição de Melhoria; receitas de contribuições – Previdência e Contribuições Econômica; receita patrimonial, transferências Correntes – FPM, ICMS e outras -, demais receitas correntes – Receita Industrial, Dívida Ativa e Diversas. A Receita de Capital, na qual estão incluídas operações de crédito, alienação de bens, transferência de capital – convênios -, e outras receitas, foi pouco expressiva, ou seja, R$ 308 mil, correspondendo a 3,44% da receita arrecadada.
Irani Basso explica que a soma de todas as receitas correntes ficaram em R$ 89.194.000,00, ou 98,88% do previsto no orçamento. Deste montante, o IPTU gerou uma arrecadação de R$ 2.275.000,00, o que corresponde a 94,79% do valor total orçado. O ISS teve comportamento semelhante, dos R$ 2.400.000,00 previstos foram arrecadados R$ 2.197.000,00, 91,57% dos valores previstos. O valor correspondente aos repasses do FPM ficou em R$ 11.765.892,00, 2,3% acima do valor previsto e os repasses do ICMS somaram R$ 16.781.557,00 para uma previsão de R$ 16.800.000,00. 



 

Panambi - Ijuí - Cruz Alta - Santa Bárbara do Sul

Voltar a capa das Notícias

Visitantes:








© Copyright 2018, GDI Multimídia | Proibida sua reprodução total ou parcial